censo de pesquisaTermina no dia 31 de janeiro o prazo de inscrições no primeiro “Censo de Produção Técnico-Científica” da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon). As informações vão compor dados de pesquisadores e pesquisas feitas dentro da unidade hospitalar nos últimos cinco anos.

Credenciamento – O Censo é um importante passo para que a Fundação consiga, junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o credenciamento como unidade importadora.

O Conselho credencia entidades sem fins lucrativos, ativas no fomento, coordenação ou execução de programas de pesquisa científica ou tecnológica para proceder a importações de bens, em conformidade com a Lei nº 8.010, de 29/03/90, alterada pela Lei nº 10.964, de 28/10/04, e regulamentada pela Portaria Interministerial nº 977/2010.

Profissionais de todas as áreas da FCecon, que possuam algum tipo de vínculo com a Fundação e que realizam pesquisas, podem participar respondendo a um formulário onde devem fornecer informações sobre os cinco principais projetos realizados nos últimos cinco anos. A iniciativa é coordenada pela Diretoria de Ensino e Pesquisa (DEP) da Fundação.

Custos baixos – Como unidade importadora, a FCecon poderá fazer operações de compra de equipamentos isentas dos impostos de importação (II) e sobre produtos industrializados (IPI), do adicional ao frete para renovação da marinha mercante (AFRMM) e ficará dispensada do exame de similaridade e de controles prévios ao despacho aduaneiro.

Com o credenciamento, a FCecon poderá importar equipamentos a custos mais baixos para serem utilizados em projetos de pesquisa científica ou tecnológica. Esses bens e produtos voltados à pesquisa serão aplicados também na Assistência, beneficiando os pacientes da instituição.

Formulário – Uma das etapas do credenciamento é comprovar detalhadamente a produção científica ou tecnológica da FCecon. Para isso, o Censo será utilizado a fim de reunir e atualizar informações dos projetos já desenvolvidos dentro da unidade hospitalar.

Os pesquisadores, sejam eles médicos, enfermeiros, farmacêuticos, nutricionistas, biomédicos, psicólogos, fisioterapeutas, entre outros, estão recebendo um convite eletrônico, onde é disponibilizado um formulário a ser preenchido com informações sobre formação acadêmica, tipo de vínculo com a FCecon e sobre detalhes dos projetos/produção técnico-científica que tenham sido ou que estejam vinculados, de alguma forma, à Fundação nos últimos cinco anos.

 

Texto: Laís Motta/FCecon